5 anos da Classificação do Barroso como Património Agrícola Mundial
BOTICAS, 2023-04-17 15:53:40


Assinalam-se quarta-feira, cinco anos da classificação da região do Barroso, constituída pelos concelhos de Boticas e Montalegre, como Património Agrícola Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), o único território do país da alcançar tal feito.

Esta distinção, certificada no dia 19 de abril de 2018, reconheceu o sistema agro-silvo-pastoril do Barroso como um importante método de defesa do património agrícola a nível mundial e teve como fundamento a valorização do mundo rural e dos produtos endógenos, sustentado pela preservação da agricultura tradicional, associada a práticas e métodos ancestrais desenvolvidos pelas comunidades locais, bem como a proteção do meio ambiente e das paisagens.

Por coincidência, esse será também o último dia da Consulta Pública relativa ao Projeto de “Ampliação da Mina do Barroso”, que pretende a exploração de lítio em Covas do Barroso e que ameaça seriamente o direito à saúde, ao ambiente e à qualidade de vida, direitos elementares das populações, constitucionalmente consagrados.

O Presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, reforça a importância da classificação atribuída a este território há cinco anos, sublinhando “as mais valias que a mesma veio trazer à região do Barroso, amplamente promovida durante este período de tempo, atraindo cada vez mais visitantes a este território de caraterísticas únicas, promovendo os produtos endógenos de grande qualidade, como a Carne Barrosã e o Mel de Barroso, e contribuindo para a fixação dos jovens”, garantindo ainda que “este selo de qualidade continuará a ser determinante para um maior desenvolvimento do Barroso, através da concretização das ações previstas no Plano de Ação do Território GIAHS e da sensibilização dos nossos agricultores, bem como os proprietários florestais, para a preservação do vasto património agrícola, paisagístico e florestal existente na região”.

O Presidente da Câmara de Boticas reforça ainda que “o selo de Património Agrícola Mundial é um orgulho para todos os botiquenses e continua a ser um desígnio nosso que este território se perpetue no tempo sob a denominação de Reino Maravilhoso, como afirmava Miguel Torga, algo que se encontra seriamente ameaçado pela possível exploração de lítio em Covas do Barroso, o que, a confirmar-se, irá por em causa esta classificação, já que afetará uma área muito significativa do Barroso Património Agrícola Mundial, destruindo habitats e o meio-ambiente, o que fará com que esta região perca a sua maior riqueza e nunca mais se consiga recompor, já que em poucos anos se irá destruir o que levou séculos a construir, levando o Barroso a perder a sua identidade e o carácter diferenciador da sua paisagem e das suas práticas comunitárias”.

Tags

B.V.B.   Janeiras / Reis   Festa de Boticas   Conselho Local de Ação Social     Obras   Vespa Velutina   BTT   Rali   Fernando Queiroga   Boticas Fashion   Freguesias   Barragens Alto Tâmega   Chegas de Bois   Centro de Artes   Confraria   Protecção Civil   Fórum Boticas   Idosos   Natal  

Últimas

Tomada de posse da nova Direção da Delegação de Boticas da Cruz Vermelha

Tomada de posse da nova Direção da Delegação de Boticas da Cruz Vermelha

Sessão ordinária da Assembleia Municipal de Boticas

Sessão ordinária da Assembleia Municipal de Boticas

Câmara de Boticas colocou armadilhas para captura de vespa asiática

Câmara de Boticas colocou armadilhas para captura de vespa asiática

Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto

Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto

ADRAT promoveu sessão de esclarecimento sobre o projeto Rural ON – Agricultura Conectada

ADRAT promoveu sessão de esclarecimento sobre o projeto Rural ON – Agricultura Conectada

Caminhada “Rota dos Amores e da Barrosã Encantada”

Caminhada “Rota dos Amores e da Barrosã Encantada”

Simulacro de acidente rodoviário com autocarro

Simulacro de acidente rodoviário com autocarro

 Apresentação do Plano Municipal de Ação Climática do Município

Apresentação do Plano Municipal de Ação Climática do Município