Exposição “Interpretação, Representação e Intervenção na Paisagem do PAVT”
BOTICAS, 2018-01-10 15:19:04

 

Foi inaugurada na passada sexta-feira, dia 5 de janeiro, no Átrio dos Paços do Concelho, a exposição intitulada “Interpretação, Representação e Intervenção na Paisagem do PAVT”.

A mostra, que reúne um conjunto de trabalhos desenvolvidos por alunos do 4º ano do Mestrado Integrado em Arquitetura, da Escola de Arquitetura da Universidade do Minho, contou com a presença da Vereadora da Câmara Municipal, Maria do Céu Fernandes, da coordenadora do projeto, Rute Carlos e do diretor do Mestrado Integrado em Arquitetura da Universidade do Minho, João Cabeleira.

“Desde 2009 que o Município de Boticas e a Universidade do Minho trabalham em parceria, nomeadamente, com a Unidade de Arqueologia e mais recentemente com a Escola de Arquitetura. Desse protocolo têm resultado trabalhos excecionais e que em muito valorizam o património quer natural, quer paisagístico existente no Parque Arqueológico do Vale Superior do Rio Terva”, afirmou Maria do Céu Fernandes.

“Todas as ações de estudo, promoção e divulgação do património existentes no PAVT são fundamentais para o desenvolvimento e valorização da riqueza do concelho”, acrescentou a vereadora.

Por sua vez, Rute Carlos, destacou “a forma como os alunos do 4º ano do Mestrado Integrado em Arquitetura se dedicaram a este estudo, nomeadamente, a investigar, fazer uma reflexão e transformação da paisagem do PAVT. Com base nessa mesma investigação foram apresentadas propostas de intervenção para o Parque Arqueológico”.

“O PAVT tem uma enorme riqueza não só ecológica como também paisagística, e através destes trabalhos pretendemos lançar bases para dar a conhecer e divulgar grande parte deste património e, simultaneamente, incentivar à preservação da cultura deste território”, afirmou a Rute Carlos.

As propostas apresentadas pelos alunos abordam as temáticas da Diversidade Transigente, no Rio Terva, Tornar Visível o Canal de Água de Bobadela, Valorização da Ribeira do Brejo e a Paisagem Agrícola de Ardãos.

Esta exposição realizou-se no âmbito do protocolo de colaboração existente entre Universidade do Minho e a Câmara Municipal de Boticas, com a colaboração da Unidade de Arqueologia daquela instituição.



Tags

Festa de Boticas   Património Agrícola Mundial   CIM do Alto Tâmega   Corrida de Abril   B.V.B   Comissão Municipal de Proteção do Idoso   DHI   Natal do Idoso   Carnaval   Natalidade   CEDIEC   Centro de Artes   Senhor do Monte   Festas / Romarias   Orçamento Participativo   Desporto   Heróis da Fruta   Município de Boticas   Visita de Estudo a Lisboa   Actividades de Verão  

Últimas

Câmara entregou fichas de trabalho aos alunos do Concelho

Câmara entregou fichas de trabalho aos alunos do Concelho

Autarquia mantém IMI na taxa mínima e devolve IRS aos munícipes

Autarquia mantém IMI na taxa mínima e devolve IRS aos munícipes

Reunião da Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios

Reunião da Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios

Declaração de Situação de Alerta de Risco Máximo de Incêndio Florestal

Declaração de Situação de Alerta de Risco Máximo de Incêndio Florestal

Autarquia entregou subsídios às Associações do Concelho

Autarquia entregou subsídios às Associações do Concelho

Candidatos do PSD recebidos pelo Executivo Municipal

Candidatos do PSD recebidos pelo Executivo Municipal

CAPOLIB promoveu seminário sobre a ruralidade e assinou protocolos de defesa da floresta

CAPOLIB promoveu seminário sobre a ruralidade e assinou protocolos de defesa da floresta

Declaração de Situação de Alerta de Risco Máximo de Incêndio Florestal

Declaração de Situação de Alerta de Risco Máximo de Incêndio Florestal