Prorrogação do Estado de Alerta até 21 de julho
BOTICAS, 2022-07-20 11:33:24

Prorrogação do Estado de Alerta até 21 de julho

Tendo em conta a declaração de situação de alerta, para vigorar entre os dias 18 e 19 de julho de 2022, devido ao nível de risco de incêndio rural, os Ministros da Defesa Nacional, da Administração Interna, do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Saúde, Ambiente e Ação Climática e Agricultura e Alimentação determinaram a prorrogação da Declaração da Situação de Alerta até às 23h59 de 21 de julho de 2022.

O prolongamento deve-se à necessidade de adotar medidas preventivas e especiais de reação face ao risco de incêndio Elevado, Muito Elevado e Máximo definido para todo o território continental.

O comunicado decorre da necessidade de adotar medidas preventivas e especiais de reação face ao índice de perigo de incêndio rural Muito Elevado e Máximo.

Nesse sentido, serão implementadas as seguintes medidas de caráter excecional aplicável:

 

a) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO fazer Queimadas;

 

b) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO utilizar máquinas motorizadas não dotadas dos seguintes equipamentos

    - Um ou dois extintores de 6 kg cada, de acordo com a sua massa máxima e consoante esta seja inferior ou superior a 10 000 Kg;

    - Dispositivos de retenção de faíscas ou faúlhas, exceto no caso de motoserras, motorroçadoras e outras pequenas máquinas portáteis;

 

c) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO realizar trabalhos com recurso a motorroçadoras, corta-matos e destroçadores, todos os equipamentos com escape sem dispositivo tapa-chamas, equipamentos de corte, como motoserras ou rebardadoras, ou a operação de métodos mecânicos que, na sua ação com os elementos minerais ou artificiais, gerem faíscas ou calor. Nos restantes dias não existem restrições ao uso de maquinaria;

 

d)    Os trabalhos de colheita de culturas agrícolas com a utilização de máquinas, nomeadamente ceifeiras debulhadoras, entre as 7h00 e as 11h00 e as 18h00 e as 23h00 e a realização de operações de exploração florestal de rechega, entre o pôr do sol e as 11h00, desde que, em ambas as situações, sejam adotadas medidas de mitigação de risco de incêndio rural e comunicada a sua realização ao Serviço Municipal de Proteção Civil territorialmente competente que articula com as autoridades com competências de fiscalização.

 

e) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO realizar fogueira para recreio, lazer ou no âmbito de festas populares. Nos restantes dias não existem restrições;

 

f) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO utilizar fogareiros e grelhadores salvo se usados nos locais devidamente identificados para o efeito. Nos restantes dias não existem restrições;

 

g) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO utilizar equipamentos florestais de recreio quando inseridos em APPS;

 

h) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO fumar ou fazer qualquer tipo de lume. Nos restantes dias não existem restrições;

 

i) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO fumigar ou desinfestar apiários quando envolva o uso do fogo ou outros métodos incandescentes ou geradores de calor. Nos restantes dias não existem restrições;

 

j) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO lançar balões de mecha acesa e foguetes. O uso de outra pirotecnia* só é permitido com autorização da câmara municipal. Nos restantes dias não existem restrições;

 

k) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO circular ou permanecer em áreas florestais públicas ou comunitárias, incluindo a rede viária abrangida, quando inseridas em APPS*;

 

l) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO desenvolver atividades culturais, desportivas ou outros eventos organizados que justifiquem a concentração de pessoas em territórios florestais, quando inseridas em APPS*;

 

m) Nos dias de perigo "muito elevado" e "máximo" é PROIBIDO utilizar aeronaves não tripuladas e o sobrevoo por planadores, dirigíveis, ultraleves, parapentes ou equipamentos similares, sobre locais inseridos em APPS*;

 

*Áreas Prioritárias de Prevenção e Segurança (APPS).

 

Para mais informações consulte o Decreto-Lei n.º 82/2021, de 13 de outubro na sua redação atual.

 

Consulte diariamente o índice de perigo de incêndio rural em httpss://www.ipma.pt/

Tags

Volta a Portugal   Litio   Idosos   Inaugurações   Festa Castreja   FestInVale   BTT   S. Sebastião   Boticas Fashion   B.V.B.   Assembleia Municipal   Senhor do Monte   Festa de Boticas   Festas / Romarias   Hora do Planeta   Rampa de Boticas   Centro de Artes   Autarquia   Dia do Homem   Boticas Parque (BNB)  

Últimas

Galaico Rural Race contou com mais de 200 participantes

Galaico Rural Race contou com mais de 200 participantes

Boticas Parque acolheu 4º Festival de Turismo e Natureza – Cibos da Terra Barrosã

Boticas Parque acolheu 4º Festival de Turismo e Natureza – Cibos da Terra Barrosã

Reunião da Comissão Municipal de Gestão Integrada de Fogos Rurais

Reunião da Comissão Municipal de Gestão Integrada de Fogos Rurais

Secretário de Estado das Florestas visitou Cooperativa Agro Rural de Boticas

Secretário de Estado das Florestas visitou Cooperativa Agro Rural de Boticas

Associação Cultural Recreativa e Desportiva da Serra do Leiranco e “Baile Art” animaram Praça do Município

Associação Cultural Recreativa e Desportiva da Serra do Leiranco e “Baile Art” animaram Praça do Município

Boticas é Município Amigo do Desporto e Autarquia Solidária

Boticas é Município Amigo do Desporto e Autarquia Solidária

Exposição “Memórias” no Ecomuseu de Barroso

Exposição “Memórias” no Ecomuseu de Barroso

“Verão em Festa 2024” arrancou com animação do grupo Radikal Show

“Verão em Festa 2024” arrancou com animação do grupo Radikal Show