Apresentação do Plano Municipal de Ação Climática do Município
BOTICAS, 2024-02-19 16:22:52


O Salão Nobre dos Paços do Concelho acolheu, na passada sexta-feira, dia 16 de fevereiro, uma sessão de esclarecimento e debate sobre o Plano Municipal de Ação Climática do Município, que está a ser elaborado pela empresa Geoatributo, em colaboração com o Município de Boticas e a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e Barroso (CIMAT), a quem cabe a coordenação da elaboração dos Planos respeitantes aos seis municípios que a constituem, em consonância com as realidades da região e de cada Município.

O Plano Municipal de Ação Climática é um documento preconizado na Lei de Bases do Clima, que incorpora duas componentes, uma de mitigação de emissões de gases com efeito de estufa e outra de adaptação às alterações climáticas.

No que diz respeito às medidas de mitigação, as metas do Plano Municipal de Ação Climática visam reduzir as emissões com gases de efeito estufa em 55% até 2030, entre 65% e 75% até 2040 e 90% até 2050. Entre as medidas de mitigação previstas destaca-se a certificação energética dos edifícios municipais; a necessidade de reduzir a incidência de ignições e aumentar a capacidade de prevenção de incêndios rurais; melhorar a eficiência na aplicação de fertilizantes no solo; promover o uso de produtos agrícolas e florestais como substitutos de matérias-primas de origem fóssil e utilizar materiais de construção com maior eficiência energética, beneficiando o conforto térmico dos edifícios tanto nos espaços urbanos como nos espaços rurais.

No que diz respeito às medidas de adaptação, estas deverão resultar de parcerias e campanhas de informação, pretendendo-se envolver a comunidade e garantir a sua participação ativa na materialização das medidas.

A apresentação do Plano Municipal de Ação Climática contou com a presença do Vice-presidente da Autarquia, Guilherme Pires, que sublinhou que “a Câmara de Boticas sempre se mostrou sensível às questões ambientais, procurando reduzir a sua ‘pegada de carbono’, e implementando medidas de médio e longo prazo para a sua mitigação, que estão bem referenciadas neste documento ora apresentado”.

Na parte final desta sessão de esclarecimento, em que participou também a Vereadora Isabel Torres, foi ainda solicitado o contributo aos agentes locais para o referido Plano, que passará por um período de consulta pública, sendo depois submetido a aprovação da Assembleia Municipal.

Tags

Gond-Pontouvre   Festas/Romarias   Água   Exposições   Boticas Parque (BNB)   Natalidade   ANMP   Litio   Livros / Lançamentos / Feiras   Fórum Boticas   Sapadores Florestais     Visitas ao Concelho   CPCJ   +Boticas   Cartão Social   B.V.B.   Juventude   Canil Municipal   Centro de Artes  

Últimas

Boticas Parque – Natureza e Biodiversidade distinguido com o prémio “Cinco Estrelas Regiões”

Boticas Parque – Natureza e Biodiversidade distinguido com o prémio “Cinco Estrelas Regiões”

"Carvalhelhos Limpa" 2024

CPCJ de Boticas associou-se à campanha “Abril – Mês da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância”

CPCJ de Boticas associou-se à campanha “Abril – Mês da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância”

5ª Edição do Concurso de Ideias “Empreender no Alto Tâmega” promovida pela CIMAT

5ª Edição do Concurso de Ideias “Empreender no Alto Tâmega” promovida pela CIMAT

Boticas acolheu 9º Encontro Nacional pela Justiça Climática

Boticas acolheu 9º Encontro Nacional pela Justiça Climática

Câmara de Boticas realiza monitorizações das armadilhas à vespa asiática

Câmara de Boticas realiza monitorizações das armadilhas à vespa asiática

Atividades de Ocupação de Tempos Livres da Páscoa contaram com a participação de cerca de 100 crianças e jovens

Atividades de Ocupação de Tempos Livres da Páscoa contaram com a participação de cerca de 100 crianças e jovens

Reunião da Comissão Municipal de Gestão Integrada de Fogos Rurais

Reunião da Comissão Municipal de Gestão Integrada de Fogos Rurais