Canais: | CMB Mobile | SMS | Newsletter | Vídeos | Youtube | Twitter | Facebook | Feeds RSS |  
Meo Kanal
  • Menu Principal
Divulgação
Consulta Pública
Gabinete de Promoção ao Investimento
Portugal 2020 - Investimentos
Roteiro das Minas
Boticas Parque
Geo Boticas
Planos Municipais de Ordenamento do Território em Vigor
Área de Reabilitação Urbana (ARU)
Plano de Urbanização de Boticas (Revisão 2013)
Equipamentos
Parque de Campismo
Piscinas Municipais
Canil
CEDIEC - Centro Europeu de Documentação e Interpretação da Escultura Castreja
Centro de Artes Nadir Afonso
Parque Arqueológico do Vale do Terva | Bobadela
CCDR
Pocto de Autarcas
Gabinete de Apoio ao Emigrante (GAE)
Comunicação de Leituras de Água
Adesão à Fatura Electrónica de Água
Contratos Públicos Online
Notícias
Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase / Visita no âmbito do Mestrado em Turismo da Universidade Portucalense
BOTICAS, 2014-04-23 16:44:41


   

No passado dia 12 de abril, um grupo de alunos e professores da Universidade Portucalense visitaram o PAVT – Parque Arqueológico do Vale do Terva, no âmbito do mestrado em Turismo daquela Universidade.

Para além dos alunos e professores da UP, integraram também a visita os professores da Universidade do Minho: Manuela Martins, Paula Remoaldo, Cadima Ribeiro, Alberto Lima e Maria Manuel.

A receber o grupo esteve o vice-presidente da câmara Municipal de Boticas, Guilherme Pires.

A visita, orientada por Luís Fontes da Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho, teve início da parte da manhã, com a visita ao CI PAVT – Centro de Interpretação do Parque Arqueológico do Vale do Terva (Bobadela – Boticas), onde para além de ter sido dado a conhecer o projeto PAVT, se aproveitou para discutir a possibilidade de desenvolvimento de projetos conjuntos. Seguiu-se um almoço, no recinto da escola de Bobadela com a presença do Presidente da Junta de Ardãos e Bobadela e, durante a tarde, o grupo partiu para uma visita ao Parque Arqueológico do Vale do Terva, mais concretamente ao observatório de aves da Lagoa do Brejo, lagoa do Limarinho e galerias romanas de extração aurífera, lagoa do Poço das Freitas e plataforma de observação do Castro de Sapelos.

Recorde-se que a implementação do PAVT resulta da candidatura “Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase”, apresentada ao EEC PROVERE AQUANATUR – PA/1/2012 EIXO PRIORITÁRIO II – VALORIZAÇÃO ECONÓMICA DE RECURSOS ESPECÍFICOS ON.2 O NOVO NORTE, cujo contrato de financiamento foi celebrado a 17 de junho de 2013, com investimento elegível de 1.087.089,00€ e financiamento FEDER de 869.671,20€.

Tags:
PAVT



Relacionados

Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase / Visita no âmbito do Mestrado em Turismo da Universidade Portucalense
Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase / Visita no âmbito do Mestrado em Turismo da Universidade Portucalense
Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase
Complexo Mineiro Antigo do Vale Superior do Rio Terva – 2.ª Fase
Arranque da fase II da empreitada do Complexo Mineiro do Vale Superior do Rio Terva
Arranque da fase II da empreitada do Complexo Mineiro do Vale Superior do Rio Terva
Município de Boticas, juntamente com a UM, realizou o I Colóquio no âmbito do PAVT
Município de Boticas, juntamente com a UM, realizou o I Colóquio no âmbito do PAVT
Atenção
Este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

| Primeiro Acesso | Ficha Técnica | Mapa do Site | Política de Privacidade e Segurança | Contactos | Links | Telefones Úteis | RSS Símbolo de Acessibilidade na Web Acessos W3C Markup Validation Service
W3C CSS Validator
Optimizado para: | N 9 | FF 4 | IE 9 | OP 9 | Safari 4 | Chrome 1 | Resolução: 1280 X 768 px | Copyright © CM-Boticas - 2011