Orçamento para 2016 aprovado pela Assembleia Municipal
BOTICAS, 2015-12-02 17:10:56


O Orçamento e as Grandes Opções do Plano para 2016 foram aprovados na Assembleia Municipal que se realizou na passada quinta-feira, dia 26 de novembro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Boticas.

O Município de Boticas conta, assim, com um orçamento a rondar os 9 milhões de euros para o próximo ano. O executivo municipal acredita que, com aprovação deste orçamento, será possível cumprir todas as metas definidas pela autarquia para 2016 e que vão de encontro às necessidades e anseios da população.

O Orçamento comtempla mais investimento nas áreas da Ação Social e Turismo. O apoio às famílias continua a ser feito através dos incentivos à natalidade, Cartão Social do Munícipe, apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos, entre outros.

“É importante e fundamental que se continue a apoiar as famílias. Fixar população é um dos nossos principais eixos de atuação”, disse Fernando Queiroga.

No turismo, a divulgação do concelho está no primeiro plano de ação do executivo municipal, presidido por Fernando Queiroga. A aposta na conservação, valorização e divulgação do património local, bem como a promoção turística do município são algumas das linhas de investimento para 2016.

“Por sua vez, o turismo no concelho sofreu uma subida significativa em 2015 e, por esse motivo, vamos investir mais nesta área. Temos de divulgar Boticas para atrairmos mais visitantes que contribuirão para o crescimento da economia local”, referiu o presidente.

Em 2016, os encargos com os funcionários da autarquia mantêm-se praticamente inalterados face a 2015. O setor da agricultura e pesca conta, para o próximo ano, com uma verba de mais de 400 mil euros. As Juntas de Freguesia, por sua vez, têm um acréscimo de 55,5%, ou seja, estão-lhes destinados mais de 500 mil euros de financiamento.

Quanto ao Imposto sobre o Rendimento das pessoas Singulares (IRS), a autarquia abdicará, mais uma vez, da totalidade (5%) da participação no IRS dos munícipes a que tem direito.

O executivo Municipal decidiu, também, manter no mínimo permitido por lei (0,3%) as taxas do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e aprovou a aplicação de reduções para famílias com dependentes a cargo.

Tags

Carnaval   Heróis da Fruta   PAVT   Presidente   Educação Rodoviária   Confraria   Museu Rural   São João   Ecomuseu   Educação   Lítio   Fernando Queiroga   Assembleia Municipal   Freestyle   Canil Municipal   CPCJ   Dia Nacional dos Moinhos   Livros / Lançamentos / Feiras   Kung Fu Boticas   DHI  

Últimas

Alteração dos horários dos transportes públicos

Alteração dos horários dos transportes públicos

Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil de Vila Real Mantém-se Ativo até ao Final de Agosto

Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil de Vila Real Mantém-se Ativo até ao Final de Agosto

Criação da rede de observatórios do Património Agrícola Mundial concluída

Criação da rede de observatórios do Património Agrícola Mundial concluída

Presidente da Câmara participou na Assembleia-Geral da Águas do Norte

Presidente da Câmara participou na Assembleia-Geral da Águas do Norte

Fernando Queiroga participou no Conselho Nacional da Liga dos Bombeiros

Fernando Queiroga participou no Conselho Nacional da Liga dos Bombeiros

Estreia em televisão do filme “Bostofrio, où le ciel rejoint la terre”

Estreia em televisão do filme “Bostofrio, où le ciel rejoint la terre”

Atraso dos CTT na entrega de correspondência preocupa a Câmara Municipal

Atraso dos CTT na entrega de correspondência preocupa a Câmara Municipal

Reunião da Comissão de Acompanhamento Ambiental do Sistema Eletroprodutor do Tâmega

Reunião da Comissão de Acompanhamento Ambiental do Sistema Eletroprodutor do Tâmega