Vídeo de Apresentação do Concelho 2009
BOTICAS, 2009-09-29 18:00:00


Vídeo

 

No Nordeste de Portugal, na Província de Trás-os-Montes, Distrito de Vila Real, por entre Serras e Penedias ergue-se o Concelho de Boticas.

Sendo um Município de Montanha, Boticas tem na sua imensa área florestal, na agricultura e na produção de gado a principal base do seu sustento. Há como que uma aliança secreta entre os seus habitantes e a natureza, que enobrece uns e enaltece a outra.

Terra de contrastes, de paisagens de deslumbramento e de locais de eleição espalhados por todo o concelho.

No alto da Serra do Barroso as formações graníticas dominam a paisagem, assemelhando-se a gigantes adormecidos que guardam e vigiam desde a sua posição altaneira. Cá no alto mora o espanto. Parece que o mundo nasceu aqui. Ou melhor, é aqui que se pode entender o sopro da criação.

Mais acima as Alturas e Vilarinho Seco, uma aldeia preservada que parece parada no tempo e que mais se assemelha a um daqueles presépios que só a imaginação admite construir.

No vale, Covas do Barroso repousa serena, espreitando envergonhada pelo estreito da janela da sua Igreja Românica.

Boticas é também terra de água. Muita água. Águas puras, límpidas e cristalinas, águas como um espelho onde a floresta retoca a sua maquilhagem e penteia os seus longos cabelos verdes. Águas bicarbonatadas frias, de propriedades terapêuticas, que brotam entre os arvoredos e deram nome a Carvalhelhos e ao seu Parque, cuja frescura é verdadeiramente irrecusável nos dias de sol aberto. 

E é a partir das fontes conhecidas há mais de 150 anos que a empresa Águas de Carvalhelhos oferece a excelência da natureza sob a forma de água engarrafada, um produto natural e símbolo de um estilo de vida saudável que leva o nome de Carvalhelhos e do Concelho de Boticas além fronteiras. 

É terra de Moinhos centenários onde o pão que alimenta a alma começa a ganhar forma para dar sustento ao corpo.

Boticas é terra de legados, de ruínas dolménicas, de marcos milenares romanos, de construções sacras, é Berço de Civilizações, de Deuses e Heróis, de Guerreiros Calaicos, de homens de pedra que do Alto do Lesenho guardavam o Mundo, de criaturas míticas, de fadas e de mouras encantadas que repousam na paz e na serenidade do Castro de Carvalhelhos.

Boticas é Terra de histórias e com História, é terra de um povo orgulhoso das suas raízes.

O seu passado pode saltar à memória visitando o Museu Rural, composto por Exposições que retratam a vivência de um povo e a sua ruralidade, e o Repositório Histórico do Vinho dos Mortos, que perpetua uma herança com mais de 200 anos. 

Os tempos mudaram e Boticas não ficou indiferente a essa mudança, modernizando-se para garantir a tão desejada qualidade de vida aos seus habitantes. Mas ficou no coração o respeito pelas tradições e pela memória do nosso povo. A Beleza da Fé ou a Fé na Beleza continuam a dar sentido ao quotidiano deste povo que gosta de viver em paz com Deus. A Procissão em honra de Nossa Senhora da Livração é um exemplo de fé e de beleza. Ao longo da procissão incorporam-se bandas filarmónias, bombeiros, escuteiros, porta-estandartes, andores, um bando de anjos fingindo ser de verdade e povo, muito povo, que contempla os luminosos e radiantes andores a que a bela e surpreendente arte e engenho de homens e mulheres dão vida.

E foi a mesma fé, que já os Géneses dizem mover montanhas, que permitiu construir o concelho que é hoje Boticas.

Fez-se o novo, recuperou-se o antigo, numa coabitação harmoniosa entre a realidade e o sonho.

Boticas dispõe hoje de equipamentos colectivos preparados para dar resposta às necessidades dos seus habitantes e de todos quantos visitam o concelho. A Biblioteca Municipal, fonte de conhecimento e saber, com o seu espaço Internet, virado para as novas tecnologias;

As Piscinas Municipais, cobertas e descobertas, prontas a servir durante Verão e Inverno; A Escola de Educação Rodoviária, que prepara os mais novos para o futuro; O Pavilhão Multiusos, de portas abertas para receber Feiras, Seminários ou convívios; O Estádio Municipal e o Campo de Minigolfe, empenhados no incentivo à prática desportiva. 

Boticas é terra onde a natureza e o ambiente merecem todas as atenções. E foi a pensar na preservação do ambiente e no aumento da qualidade de vida que nasceu o aterro sanitário intermunicipal, onde os resíduos são tratados e valorizados recorrendo às mais modernas técnicas, apostando na triagem e recolha selectiva que permitem reciclar milhares e milhares de toneladas de resíduos, contribuindo para a poupança dos recursos energéticos do nosso planeta e para a preservação do meio-ambiente.

A RESAT é a empresa responsável pela implementação de uma gestão integrada desses resíduos e pelo desenvolvimento de campanhas de sensibilização junto da população. 

Boticas é terra onde as pessoas estão sempre em primeiro lugar. É terra onde os idosos são tratados com carinho e dedicação. A Santa Casa da Misericórdia de Boticas gere um vasto leque de equipamentos no âmbito da acção social, prestando um apoio diário a cerca de 200 idosos, sendo Boticas um dos concelhos do nosso país com maior cobertura de apoio domiciliário por número de habitantes. 

À Misericórdia de Boticas cabe também a gestão do Centro de Apoio a Deficientes do Alto Tâmega, apoiando cerca de meia centena de utentes distribuídos pelas valências de Centro de Actividades Ocupacionais e Lar Residencial, da parte norte do Distrito de Vila Real, actuando ainda na área do apoio à Educação pré-escolar, através da creche, Jardim-de-Infância e Actividades de Ocupação dos Tempos Livres

Em termos de Recursos Humanos, a Santa casa tem hoje um quadro composto por cerca de 150 pessoas. 

Contudo, o estatuto de maior empregador do Concelho é detido pela empresa EURONETE, holding Portuguesa do grupo holandês Royal Lankhorst, que se dedica à extrusão de fio de filamento de polipropileno, destinado ao fabrico, sobretudo, de cordas e redes de pesca.

Nesta unidade fabril, que labora em horário continuo, trabalham cerca de 200 pessoas, na sua grande maioria mulheres.

Boticas é também terra de Cultura, disponibilizando actividades regulares e diversificadas ao longo de todo o ano. É palco de exposições, contando com a presença dos grandes nomes das artes, de que o mestre Nadir Afonso é o melhor exemplo. É terra de Congressos e de Colóquios, de espectáculos musicais e de provas gastronómicas.

Boticas é terra de futuro, de ideias, de projectos, de obras que engrandecem, de investimentos no turismo. É terra de progresso e de desenvolvimento, terra onde as nossas crianças, a qualidade de ensino e o apoio à Educação estarão sempre em primeiro lugar. 

Bem vindo ao nosso Concelho.

Deixe-se seduzir por Boticas.

Tags

  Rali   Festa Castreja   Boticas Mexe   Nadir Afonso   Presidente   GDB   Gond-Pontouvre   BTT   CIM do Alto Tâmega   FAO   Dia do Idoso   Defesa da Floresta   DHI   Exposições   Volta a Portugal   S. Sebastião   Universidade do Minho   TT   Fernando Queiroga  

Últimas

Chegas de Bois atraem milhares de aficionados a Boticas

Chegas de Bois atraem milhares de aficionados a Boticas

XXIV Concurso Pecuário de Gado da Raça Barrosã

XXIV Concurso Pecuário de Gado da Raça Barrosã

Campanha de Adoção de Animais de Companhia

Campanha de Adoção de Animais de Companhia

Cancelado lançamento de Fogo de Artifício nas Festas do Concelho

Cancelado lançamento de Fogo de Artifício nas Festas do Concelho

Despique de bandas na Praça do Município

Despique de bandas na Praça do Município

Encenação da comédia grega “Lisístrata” de Aristófanes

Encenação da comédia grega “Lisístrata” de Aristófanes

Covas do Barroso em Festa

Covas do Barroso em Festa

Inauguração do Nicho do Sr. do Monte e da Senhora de Fátima em Nogueira

Inauguração do Nicho do Sr. do Monte e da Senhora de Fátima em Nogueira

XX Feira do Livro de Boticas

XX Feira do Livro de Boticas

Festa em Honra do Divino Salvador do Mundo

Festa em Honra do Divino Salvador do Mundo