Mística Celta à solta em Carvalhelhos
BOTICAS, 2017-06-13 12:01:18



Vídeo




Realizou-se nos passados dias 10 e 11 de junho, em Carvalhelhos, a 2ª edição da Céltica – Festa Castreja, iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Boticas e pela empresa intermunicipal, Empreendimentos Hidroeléctricos do Alto Tâmega e Barroso (EHATB), com a recriação histórica a cargo da empresa Passado Vivo.

Um fim de semana repleto de muita animação, onde a cultura castreja esteve em destaque. Dois dos momentos altos do evento foram as recriações históricas de uma cerimónia fúnebre céltica, no primeiro dia, e de um casamento celta, no último, encenados pelas várias associações culturais e recreativas do concelho de Boticas, que se juntaram à iniciativa e encarnaram personagens típicas da época.

Além das coletividades e população local, alunos do Agrupamento de Escolas Gomes Monteiro também participaram na iniciativa com a recriação de uma dança celta.

Ao longo dos dois dias houve ainda lugar para jogos infantis, jogos populares, várias oficinais didáticas (música pastoril, da lã à meia, do minério ao ferro e marcenaria) danças céltico-galaicas, duelos das tribos, visitas guiadas ao Castro de Carvalhelhos ou Castro dos Mouros, exibições de falcoaria, queimada galaica e ainda a venda de produtos locais no mercado céltico.

O Presidente da Câmara, Fernando Queiroga, referiu que “o sucesso das iniciativas organizadas pelo município acontece graças à participação não só das associações mas também da sociedade em geral, que se orgulham das suas raízes e do seu passado, e por iniciativa própria participam nos eventos por nós organizados. Sem eles esta festa não teria o mesmo encanto”, remata.

A componente gastronómica também esteve presente no recinto da festa e, durante o fim de semana, os visitantes puderam deliciar-se com o porco e a vitela barrosã no espeto.

“Os dois grandes objetivos da realização da Céltica – Festa Castreja passam por promover o concelho e, em simultâneo, dinamizar a economia local. Orgulhamo-nos muito do nosso património cultural e arquitetónico e fazemos tudo o que está ao nosso alcance para o preservar e divulgar”, afirmou o autarca.

À semelhança da primeira edição, o grupo musical “Strella do Dia”, agraciou todos os visitantes com um concerto junto à Estátua do Guerreiro Calaico, um dos símbolos mais importantes da cultura castreja. 

Tags

Rali   Corrida de Abril   Dia do Homem   Museu Rural   Fernando Queiroga   Cão de Gado Transmontano     Volta a Portugal   Dia Nacional dos Moinhos   Vespa Velutina   S. Sebastião   Dia da Mulher   Semana da Leitura   Educação   Assembleia Municipal   Protecção Civil   Rampa de Boticas   Exposições   Festa de Boticas   CIM do Auto Tâmega  

Últimas

Um Alto Tâmega de “luxo” no ano do regresso à ribalta

Um Alto Tâmega de “luxo” no ano do regresso à ribalta

RIBAT cria serviços de empréstimo de documentos

RIBAT cria serviços de empréstimo de documentos

Autarquia entregou mais fardamento aos Sapadores Florestais Municipais

Autarquia entregou mais fardamento aos Sapadores Florestais Municipais

PIICIE de Boticas promove atividades lúdico-pedagógicas para as crianças do Agrupamento Escolar

PIICIE de Boticas promove atividades lúdico-pedagógicas para as crianças do Agrupamento Escolar

3ª Edição da Comunidade de Leitores da Rede Casas do Conhecimento

3ª Edição da Comunidade de Leitores da Rede Casas do Conhecimento

Missa campal assinalou festa em honra de Nossa Senhora das Neves, em Ardãos

Missa campal assinalou festa em honra de Nossa Senhora das Neves, em Ardãos

S. Cristóvão no rio lembra festas do Concelho

S. Cristóvão no rio lembra festas do Concelho

Comissão Distrital de Proteção Civil solicitou reforço de equipas de vigilância

Comissão Distrital de Proteção Civil solicitou reforço de equipas de vigilância

Visita à barragem de Daivões

Visita à barragem de Daivões

Declaração da Situação de Alerta face ao agravamento do risco de incêndio rural

Declaração da Situação de Alerta face ao agravamento do risco de incêndio rural