Assinatura de Protocolos para criação do CEDIEC
BOTICAS, 2009-07-28 18:04:06

 

Tendo em vista a criação em Boticas do CEDIEC (Centro Europeu de Documentação e Interpretação da Escultura Castreja), para a construção do qual a Câmara Municipal de Boticas tem já assegurado o financiamento, através de Fundos Comunitários, a Autarquia de Boticas procedeu esta segunda-feira, dia 27 de Julho, à assinatura de diferentes protocolos com diversas entidades que colaborarão neste projecto, numa cerimónia que decorrer no Museu Nacional de arqueologia, em Lisboa.

Os referidos protocolos foram assinados, na presença do Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Nunes Liberato, com a Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, o Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa, o IGESPAR (Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico, IP), o Museu Nacional de Arqueologia, o Instituto Arqueológico Alemão, a Liga dos Amigos do Museu de Arqueologia e os Amigos dos Guerreiros Castrejos (Gucas) – Boticas. Por impossibilidade de estar presente a Directora Regional, a assinatura do protocolo com a Direcção Regional de Cultura do Norte ficará para uma alyura mais oportuna.

A criação em Boticas do CEDIEC resulta do facto de que no concelho foi registada a maior concentração de estátuas de guerreiros proto-históricos até esta data descoberta na Península Ibérica. Ao todo, quatro exemplares, dos quais dois quase intactos. Toda esta estatuária foi descoberta no castro do Lesenho, um povoado fortificado monumental, não só devido ao destaque na paisagem, como também pelo seu posicionamento geo-estratégico com ampla visibilidade sobre a envolvente. Os objectivos do CEDIEC passam por valorizar os recursos arqueológicos científicos e patrimoniais existentes no Concelho de Boticas; divulgar a temática e os resultados do seu estudo na comunidade científica ibérica como junto de públicos europeus interessados em Arqueologia ou Património, impulsionando o desenvolvimento regional, com base no aproveitamento dos bens e valores arqueológicos existentes; de dinamizar a investigação científica em Trás-os-Montes Ocidental; e desenvolver uma dinâmica local de consciencialização, identidade e defesa do Património Arqueológico do Concelho.

Espera-se agora que, em consequência da assinatura destes protocolos possa nascer uma obra única, de prestígio internacional, que levará ao estudo, investigação e exposição de Guerreiros Castrejos.

Tags

Desporto   BTT   Kung Fu   B.V.B   FAO   Dia do Idoso   Boticas Parque   Boticas Fashion   Cão de Gado Transmontano   BVB   CEDIEC   GDB   Boticas Mexe   Gond-Pontouvre   Obras   Heróis da Fruta   Volta a Portugal   Defesa da Floresta   Feira Gastronómica do Porco   Assembleia Municipal  

Últimas

Candidaturas ao StartUP Voucher 2018

Candidaturas ao StartUP Voucher 2018

Boticas recebeu Orçamento Participativo Jovem Portugal 2018

Boticas recebeu Orçamento Participativo Jovem Portugal 2018

Associação de Sapiãos e grupo Duo Sol abriram atividades de verão

Associação de Sapiãos e grupo Duo Sol abriram atividades de verão

Ex-comandante do RI19 no Município de Boticas

Ex-comandante do RI19 no Município de Boticas

Internacionalização do Alto Tâmega analisada em Boticas

Internacionalização do Alto Tâmega analisada em Boticas

Jovens botiquenses frequentam Universidade Júnior do Porto

Jovens botiquenses frequentam Universidade Júnior do Porto

Autarquia oferece Manuais Escolares aos alunos do 3º ciclo

Autarquia oferece Manuais Escolares aos alunos do 3º ciclo

Beneficiação da Rede de Percursos Pedonais da Vila de Boticas

Beneficiação da Rede de Percursos Pedonais da Vila de Boticas