Grupo de Teatro Fórum Boticas volta a fazer sucesso em Lisboa
BOTICAS, 2015-02-04 10:25:24

 

Foi no passado sábado, dia 24 de janeiro, na Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul, em Lisboa, que o Grupo de Teatro Fórum Boticas, voltou a deliciar todos quantos ali se deslocaram. A plateia estava a abarrotar, não só de conterrâneos residentes na região de Lisboa, que ali ocorreram para passar um serão divertido, mas também de muitos curiosos, que não deram o seu tempo por mal empregue. Tratava-se da primeira atuação fora de Boticas, depois da estreia no passado dia 7 de novembro de 2014. O autor da peça, José Carlos Barros, deslocou-se do Algarve, conjuntamente com familiares e amigos, propositadamente, para assistir à apresentação da peça, como já tinha feito novembro, em Boticas. De fato, “CARAI, VALHA-ME DEUS”, trata-se de um texto divertidíssimo que situa a sua ação, precisamente, em Boticas, terra onde o seu autor nasceu há 51 anos. Esta comédia gira à volta do dinheirinho que vem da Europa, do uso que dele é feito e dos logros que arrasta em termos económicos e sociais. É um espetáculo repleto de imbróglios, à mistura com muitas ilusões, que é alinhado por um apresentador azarento e comentado por alguém que nem é para ali chamado, a Mulher-Que-Faz-Renda. A linguagem é tirada ao natural, isto é, usa o vernáculo Português falado nas terras do Barroso.

Com esta peça, o Grupo de Teatro Fórum Boticas, que pertence à Fórum Boticas – Associação Recreativa e Cultural, atinge as dez peças já representadas.

Em agenda estão já mais representações na região e no país, provando que o Grupo de Teatro Fórum Boticas veio para representar e durar.


Ficha Técnica:

Atores: Damásio Silva, Filipa Sacras, Graça Inácio, Lúcia Moreno, Maria de Deus Barroso, Marina Pereira, Miguel Moreno, Paula Mota, Paulo Pires, Ricardo Pereira, Sandra Pereira e Zélia Domingues

Cenários e figurinos: André Graça Gomes

Soluções técnicas: Paulo Pires

Sonoplastia: Miguel Moreno e Pedro Inácio

Encenação: Hermínio Chaves Fernandes


TEATRO FÓRUM BOTICAS

O Teatro Fórum  Boticas nasceu em 2008, no seio da Fórum Boticas – Associação Recreativa e Cultural com o espetáculo “Avarias”, construído a partir de textos de Abel Neves, Alexandre O’Neill,  José  Carlos Dias e Miguel Torga. Desde aí apresentou “Sonho de uma Noite de Verão”, de William Shahespeare (2009), “O Inspetor Geral”, de Nikolai Gogol (2010), “Dona Rosinha, a Solteira”, de Federico Garcia Lorca (2011), “VIP-TB”, de José Carlos Dias, Anton Tchekov, José Régio e António Gedeão (2012), “Além as Estrelas” são a “Nossa Casa”, de Abel Neves (2013) e “Só Visto”, de José Moreno Arenas (2013). Tem em cena, “Carai Valha-me Deus”, de José Carlos Barros, escritor nascido em Boticas. Pelo meio apresentou ainda duas peças infantis no âmbito da Semana da Leitura de Boticas: “A História de um Dentinho que não se lavava”, adaptação de um texto livre e uma peça composta por dois contos: Os Doze Irmãos (conto tradicional da Republica Checa) e o Caçador de Borboletas, de José Eduardo Agualusa.

A principal preocupação deste coletivo amador tem sido a de apresentar textos de qualidade, tenham eles autores clássicos ou contemporâneos, desde que os mesmos se lhes afigurem interessantes de conteúdo e simultaneamente capazes de divertir públicos pouco habituados a ver teatro.

Além de Boticas, o TFB já atuou em Lisboa, Porto, Chaves, Espinho, Braga, Montalegre, Pinhão, nalguns destes locais, mais do que uma vez.

Tags

Kung Fu   S. Sebastião   IMI   Boticas Fashion   Cultura Popular   Município de Boticas   Natal   Heróis da Fruta   Água   Visita de Estudo a Lisboa   B.V.B   Património Agrícola Mundial   FestInvale   Volta a Portugal   CIM do Alto Tâmega   Natal do Idoso   Comissão Municipal de Defesa da Floresta   DHI   Feira do Livro   Festival do Folclore  

Últimas

Demonstração de Kung Fu na Praça do Munícipio

Demonstração de Kung Fu na Praça do Munícipio

Festa do Emigrante em Ardãos

Festa do Emigrante em Ardãos

Espetáculo do “Arrepiado” com assistência de se perder de vista

Espetáculo do “Arrepiado” com assistência de se perder de vista

Procissão em Honra de Nossa Senhora da Livração atraiu milhares de fiéis a Boticas

Procissão em Honra de Nossa Senhora da Livração atraiu milhares de fiéis a Boticas

XXV Festival de Folclore do Concelho de Boticas com casa cheia

XXV Festival de Folclore do Concelho de Boticas com casa cheia

Tradição das Chegas de Bois voltou a cumprir-se em Boticas

Tradição das Chegas de Bois voltou a cumprir-se em Boticas

Equipa de Bobadela venceu VIII Maratona de Veteranos de Futsal

Equipa de Bobadela venceu VIII Maratona de Veteranos de Futsal

Festividades em Honra de Nossa Senhora da Assunção na Granja

Festividades em Honra de Nossa Senhora da Assunção na Granja