Combate à vespa das galhas do castanheiro
BOTICAS, 2017-05-23 12:44:42


Procurando garantir um combate eficaz à vespa das galhas do castanheiro, uma das pragas mais prejudiciais para os castanheiros em todo o mundo, e combatendo de forma precoce esta praga, o Município de Boticas tem estado em permanente contacto com os agricultores do concelho no sentido de identificar possíveis focos de infestação, promovendo visitas regulares, em conjunto com técnicos da Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Norte (DRAPN), a povoamentos de castanheiros no concelho, tendo já sido encontrados alguns casos de árvores infestadas.

Para evitar o alastrar desta praga, que ataca as folhas da árvore, provocando a redução do crescimento dos ramos, o desenvolvimento de frutos (o que faz diminuir drasticamente a produção e a qualidade da castanha) e que pode mesmo matar a árvore, a autarquia irá intensificar as acções de prevenção e sensibilização junto da população, pedindo aos agricultores que comuniquem quando detectarem uma árvore infestada. Ao mesmo tempo, está já em preparação, contando com a colaboração da REFCAST (Associação Portuguesa da Castanha), a largada, junto a áreas infestadas, de parasitas que podem eliminar esta praga. Trata-se dos parasitas “Torymus sinensis”, insetos que se alimentam das larvas que estão nas árvores e são capazes de exterminar a vespa. Estes parasitas, que estão a ser utilizados um pouco por todo o mundo, são considerados como o combate mais eficaz, não causando qualquer impacto em termos ambientais nem na biodiversidade, já que apenas atacam as larvas da vespa do castanheiro, sendo completamente seguros para as abelhas e outros insectos.

O Presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, garante que “o Município de Boticas está atento à evolução desta praga e apostado em debelá-la o mais rapidamente possível, até porque apesar da produção de castanha não ter um peso económico muito significativo no concelho é muito importante na região e se combatermos rapidamente esta praga garantimos que ela não irá alastrar para concelhos vizinhos, procurando reduzir os prejuízos dos agricultores da região”.

Tags

CPCJ   Festas / Romarias   Protecção Civil   Património   Vespa das Galhas do Castanheiro   Documentário   Centro de Artes   Património Agrícola Mundial   B.V.B   Barragens Alto Tâmega   Boticas Trail   Semana da Leitura   Livros / Lançamentos / Feiras   Litio   Conselho Cinegético   Senhor do Monte   Comissão Municipal de Defesa da Floresta   Aventura no Barroso   Juventude   Carnaval  

Últimas

Classificação do Barroso como Património Agrícola Mundial comemora três anos

Classificação do Barroso como Património Agrícola Mundial comemora três anos

Presidente da Câmara representou ANMP em reunião do CONSANP

Presidente da Câmara representou ANMP em reunião do CONSANP

GD Boticas certificado como Entidade Formadora de 3 estrelas e Centro Básico de Formação de Futsal

GD Boticas certificado como Entidade Formadora de 3 estrelas e Centro Básico de Formação de Futsal

Censos 2021 | Resposta ao inquérito a partir do dia 19 de abril

Censos 2021 | Resposta ao inquérito a partir do dia 19 de abril

CPCJ de Boticas associou-se à campanha “Abril – Mês da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância”

CPCJ de Boticas associou-se à campanha “Abril – Mês da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância”

Município assinala Dia Internacional dos Monumentos e Sítios com visita virtual

Município assinala Dia Internacional dos Monumentos e Sítios com visita virtual

Câmara de Boticas associa-se ao Dia Nacional dos Moinhos

Câmara de Boticas associa-se ao Dia Nacional dos Moinhos

Abertura ao público do Parque de Pesca Desportiva do BNB

Abertura ao público do Parque de Pesca Desportiva do BNB