Assembleia Municipal aprovou por unanimidade Relatório de Gestão e Contas de 2017 da Câmara
BOTICAS, 2018-04-27 15:50:13

 

Realizou-se esta quinta-feira, dia 26 de abril, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, uma sessão ordinária da Assembleia Municipal, onde foi aprovado, por unanimidade, o Relatório de Gestão e Contas relativo ao ano de 2017.

No relatório destaca-se, sobretudo, o facto de a Câmara Municipal ter transitado de ano com um saldo orçamental de 2.173.028,50€. Desta forma, a sustentabilidade financeira atingida é o reflexo do rigoroso controle das despesas que o executivo camarário tem vindo a implementar no exercício das suas funções.

Por sua vez, no ano de 2017 resultou uma poupança corrente efetiva de 879.934,87€, valor que traduz a capacidade da autarquia conseguir, através da receita corrente, financiar a estrutura necessária ao funcionamento dos serviços municipais.

Quanto à dívida bancária de médio e longo prazo, em 2017, ascendia a 842.273,44€, registando uma diminuição de 312.803,07€ comparativamente a 2016.

No que diz respeito à dívida a curto prazo registou-se, a 31 de dezembro de 2017, o valor zero, o que significa que o Município terminou o ano sem dívidas a fornecedores. Este resultado fez com que o prazo médio de pagamento a fornecedores se fixasse em apenas 15 dias.

Em termos de eficiência financeira, os indicadores demonstram que o Município aumentou, a curto prazo, a sua capacidade de fazer face aos compromissos assumidos com terceiros. Além disso, a autarquia apresenta um índice de autonomia de 79%, o que demonstra que o recurso a crédito de terceiros tem uma dimensão reduzida.

No que diz respeito à execução orçamental são de realçar os indicadores obtidos com a boa taxa de execução das receitas correntes, que se situou no 96,41%, enquanto que as despesas correntes se fixaram em 87,06%, garantindo assim um bom grau de cumprimento das previsões.

Relativamente às receitas correntes, a taxa de execução foi de 96,41%. Por sua vez, as despesas de capital tiveram um bom desempenho, com a taxa de execução a fixar-se nos 79,2%.

Quanto à rubrica Passivos Financeiros tem nos últimos quatros anos o valor de zero, o que comprova que não foi contraído qualquer empréstimo.

Por fim, as Grandes Opções do Plano (GOP) registaram uma taxa de execução a rondar os 82,57%, atingindo um valor total de 6.523.936,82€, dos quais 2.733.711,94€ dizem respeito ao Plano Plurianual de Investimentos e 3.790.244,88€ ao Plano de Atividades Municipal. O coeficiente de execução relativo aos dois planos foi de 77% e de 87%, respetivamente.

No final da sessão, o Presidente da Câmara, Fernando Queiroga, mostrou-se bastante satisfeito pela forma como o executivo tem conseguido gerir as contas do município de forma organizada e clara.

“Temos tido uma gestão muito correta, transparente e concisa e é esse o motivo pelo qual estamos com uma boa saúde financeira, que convém salvaguardar. Estamos empenhados em continuar a dar o nosso melhor em prol do concelho.”, referiu o autarca.

Tags

Natal   Festival do Folclore   Natalidade   DHI   Cultura Popular   Presidente   Feira Gastronómica Porco   Boticas Parque   Património Agrícola Mundial   Centro de Artes   Orçamento Participativo   Volta a Portugal   Natal do Idoso   Dia da Mulher   Gond-Pontouvre   CEDIEC   FAO   Comissão Municipal de Defesa da Floresta   Município de Boticas   Kung Fu  

Últimas

Covas do Barroso cumpriu tradição do Carolo de Santo António

Covas do Barroso cumpriu tradição do Carolo de Santo António

Dia Mundial do Ambiente assinalado em Boticas

Dia Mundial do Ambiente assinalado em Boticas

Festa de encerramento do ano escolar do Jardim de Infância de Boticas

Festa de encerramento do ano escolar do Jardim de Infância de Boticas

Entrega de Prémios do Desporto Escolar do Agrupamento de Escolas Gomes Monteiro

Entrega de Prémios do Desporto Escolar do Agrupamento de Escolas Gomes Monteiro

Trabalhos de Limpeza das florestas do Concelho

Trabalhos de Limpeza das florestas do Concelho

Executivo reuniu com Juntas de Freguesia no âmbito da descentralização

Executivo reuniu com Juntas de Freguesia no âmbito da descentralização

Rali do Alto Tâmega voltou a surpreender

Rali do Alto Tâmega voltou a surpreender

Festa Castreja atraiu milhares de visitantes a Carvalhelhos

Festa Castreja atraiu milhares de visitantes a Carvalhelhos